Efeitos da ingestão de Álcool

Existem diferentes tipos de bebidas alcoólicas, que de acordo com os seus constituintes e aditivos, provocam diferentes efeitos, uma vez que os efeitos da ingestão alcoólica, não dependem só do teor de álcool, mas também dos aditivos e produtos químicos que derivam da fermentação, especialmente as bebidas alcoólicas mais escuras, que contem mais deste tipo de substâncias que as bebidas brancas.

As bebidas alcoólicas escuras como o vinho tinto, o whisky e brandy provocam maiores ressacas pelo teor de álcool, e pelos aditivos e produtos químicos, que são em quantidade mais elevada. Enquanto que as bebidas alcoólicas brancas, como o vinho branco, a vodka e o gin não provocam efeitos tão nocivos e perigosos. Os aditivos e produtos químicos provocam um efeito tóxico nas células cerebrais, que pode ser muito nocivo quando se ingere grandes quantidades de bebidas alcoólicas escuras. O álcool por si só, tem um efeito de desidratação, aumentando a produção de urina, e consequente sede, o que leva as pessoas a beberem mais.

Prevenir a ressaca passa por conhecer as bebidas alcoólicas e evitar aquelas com maior efeito nocivo para as células cerebrais, assim como as suas marcas, pois variam no teor de aditivos e produtos químicos. Outro truque para prevenir a ressaca é intercalar o consumo de bebidas alcoólicas, com bebida não alcoólicas, ou combinar as bebidas alcoólicas com água, água mineral ou outras bebidas não alcoólicas, para minimizar a desidratação e amenizar a inflamação do epitélio gástrico. O importante é nunca consumir bebidas alcoólicas com o estômago vazio.

Outra técnica para prevenir grandes ressacas passa por consumir bebidas alcoólicas lentamente, pois assim abranda a absorção do álcool pelo organismo e nunca são absorvidas grandes quantidades de álcool. Mas caso isso aconteça, opte por beber grandes quantidades de água, para prevenir a desidratação.

Quando a ressaca está estabelecida, o melhor medicamento é o paracetamol, em vez da aspirina, uma vez que o paracetamol não possui tantos efeitos adversos gastrointestinais, uma vez que o próprio álcool por si só já irrita o epitélio gástrico.

Existem alguns conselhos populares, mas que nem sempre são eficazes para curar ressaca:

– Produtos estimulantes como o café ou alguns fármacos, não apressam a eliminação do álcool da circulação sanguínea;

– Beber bebidas alcoólicas na manhã da ressaca, não é indicado para curar ressaca, e até pode levar a longo prazo ao alcoolismo; mas o consumo de água é muito eficaz para este problema de acordo com as razões acima citadas.



Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome : Email :