As melhores dicas de Exercícios Físicos para aumentar a sua Velocidade

A velocidade é um fator que está intimamente ligado aos exercícios físicos. Ela, além de determinar o seu nível de progressão (a tendência é de quanto mais avançado, mais rápido é a execução dos exercícios) também dita o tipo de benefícios que você busca no seu treinamento. Então vamos ver algumas características de cada velocidade e os fins a que se destinam.

Velocidade baixa

Os treinamentos de baixa velocidade, normalmente, têm como principal objetivo manter o corpo ativo. O foco não é a rapidez na execução, e sim as repetições, no caso de atividades em máquinas, por exemplo. Este tipo de exercícios é mais indicado para as pessoas que começaram agora a realizar atividades físicas e acabaram de deixar o sedentarismo, uma vez que exigem menos esforço do praticante, dando-lhe mais resistência para evoluir na velocidade com o passar do tempo. Também são os mais apropriados para quem busca a perda de peso e de gordura corporal. São exemplos de exercícios físicos, com baixa velocidade, a caminhada, os alongamentos e os exercícios aeróbicos.

 

Velocidade moderada a alta

Já o treinamento com velocidade de moderada a alta visa a construção de massa muscular e a definição corporal. Esses exercícios só devem ser realizados após o praticante ganhar aptidões e resistência com atividades de baixa velocidade, ou seja, é mais indicado para atletas já avançados. Além disso, uma pessoa com massa gorda não deve nunca começar por trabalhar os músculos, achando que isso irá diminuir a gordura corporal. Pelo contrário, isso não lhe trará nenhum benefício, nem na perda de gordura e nem na definição dos músculos. A ordem correta é, exercícios de baixa velocidade – para perder toda a gordura corporal, e em seguida, exercícios de alta velocidade – para definir os músculos. São exemplos de exercícios físicos com alta velocidade, a corrida, a dança, as repetições diminuídas e com mais peso e a musculação.

Vejamos a seguir alguns exercícios e dicas de treinamento para aumentar a sua velocidade:

Exercícios:

  • Corrida em rampas
  • Corrida de arraste
  • Sprint de alta intensidade (vai correndo e volta correndo)
  • Pirâmides (técnica de Sprint – vai correndo e volta andando)
  • Explosão (começa a corrida lentamente e vai aumentando a velocidade até chegar ao fim)
  • Sprint alternado (técnica em que você faz 30 metros em Sprint, mais 30 em corrida normal, 30 em Sprint e assim por diante, até atingir os 150 metros, volte caminhando)
  • Corrida facilitada (técnica com a ajuda de outrem ou a corrida em superfícies de descida)
  • Ins e Outs (técnica de mudanças repentinas de ritmos – acelera, mantém, desacelera…)
  • Corridas progressivas até a velocidade máxima

 

Dicas:

  • Faça corridas com atenção na técnica do movimento, mantenha os membros superiores descontraídos, com os braços em frente ao corpo, formando um ângulo de 90°
  • Conte os seus passos. Os corredores mais eficientes têm uma cadência de cerca de 180 passos por minuto. Se você não tem um aparelho para contagem dos passos, conte, em um minuto, quantas vezes o seu pé direito toca no chão, e multiplique por dois. Tente trabalhar para chegar o mais perto possível da marca de 180.


Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome : Email :