Exercício Físico x Diabetes

Para quem tem diabetes os exercícios físicos podem ser grandes aliados no seu tratamento, prevenção e até mesmo cura.

Vamos entender melhor de que forma.

O que é diabetes?

De uma maneira geral, é uma doença caracterizada pela elevação de glicose no sangue. Pode ser ocasionada, dentre outros fatores, por falhas na ação do hormônio chamado insulina. Mas para que serve a insulina? A função principal deste hormônio é promover a entrada de glicose para as células do organismo para que ela possa ser utilizada nas diversas atividades celulares. A falta de insulina ou algum defeito no seu funcionamento causa um acúmulo de glicose no sangue, chamado de hiperglicemia, que leva com que o indivíduo tenha a diabetes.

Mas se a diabetes está relacionada aos níveis de glicose no sangue, de que maneira o exercício físico pode ajudar?

As atividades físicas fazem com que seja mais eficiente e abundante a absorção de glicose pelos tecidos musculares durante o treino e até mesmo, 48 horas depois do término do exercício. Isso faz com que diminua os níveis de glicose no sangue e aumenta a sensibilidade do organismo à insulina.

Vejamos quais as reações provocadas pelo exercício físico num indivíduo com diabetes:

  • Aumente a captação de glicose pelas células musculares
  • Induz o aumento da sensibilidade à insulina
  • Melhora o perfil lipídico, ou seja, reduz os níveis de colesterol total LDL, triglicerídeos e ainda aumenta os níveis de HDL
  • Melhora a função endotelial, o que gera um aumento na dilatação das artérias, diminuído assim o risco de hipertensão arterial
  • Aumenta a oxigenação dos tecidos do corpo
  • Acelera as adaptações metabólicas e também as hormonais.

Fora estes, há os benefícios já conhecidos do exercício físico, como melhora na aptidão física, diminuição e manutenção do peso corporal, sensação de bem estar e auto confiança, entre muitos outros.

Quais os exercícios que podem ajudar?

De uma maneira geral, os exercícios devem ser:

  • Exercícios aeróbicos, como ciclismo, corrida e natação: Deve ser realizado 4 sessões semanais, de 30 minutos cada.
  • Exercícios de fortalecimento muscular: entre dois a três treinos semanais de aproximadamente 30 minutos. Cuidado! Os diabéticos com problemas oculares na retina devem evitar esses exercícios.
  • Exercícios de flexibilidade e equilíbrio: Esses exercícios devem ser realizados 5 vezes por semana, com treinos de cerca de 30 minutos cada, ou até que sinta desconforto.

Cuidados a tomar:

  • Antes de qualquer exercício físico deve ser procurado um médico, principalmente para indivíduos com essa doença crônica, visto que o risco de doenças cardíacas é maior.
  • Acompanhar os níveis de glicose antes, durante e depois dos exercícios
  • Equilibrar a ingestão de hidratos de carbono e a medicação para que não ocorra a hipoglicemia
  • Evitar os exercícios durante o pico de insulina. Esperar uma hora após a aplicação das injeções intramusculares
  • Como os diabéticos perdem mais água, a reposição da mesma deve ser maior durante a atividade física
  • O risco é maior também de rigidez nas articulações, por isso antes de qualquer exercício deve se fazer um bom alongamento.


2 Comentários to “Exercício Físico x Diabetes”
  1. Rafael Murcia

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome : Email :