Ergonomia e qualidade de vida

Existem várias definições para a ergonomia, todas elas se referem a relação mais adequada  dos trabalhadores com os meios existentes de trabalho e engloba todas as condições existentes. Uma das definições diz que a ergonomia  é um conjunto de conhecimentos comprovados cientificamente que servem para que o ser humano utilizar as ferramentas e máquinas de uma forma confortável, segura e com mais eficácia. Outra definição diz que a ergonomia é a compreensão de como os humanos devem interagir adequadamente com elementos de um sistema.

A ergonomia engloba conhecimentos de diversas áreas como de medicina, antropometria, engenharia, fisiologia, psicologia, entre outros. Tudo isso serve para estudar os fatores que envolvem o humano em relação ao seu trabalho para obter conhecimentos e então criar a oportunidade de transformar as condições para proporcionar maior segurança, conforto e para preservar a saúde do trabalhador. O fato de querer oferecer um conforto  maior não significa que o trabalhador vai ter um excesso de cuidados, mas quer dizer que diminuí o desgaste desnecessário do físico e da mente.

O cuidado com as relações entre os trabalhadores, com os objetos usados para a realização do trabalho, o cuidado com o corpo durante a jornada de trabalho e com o psíquico, tudo isso está totalmente relacionado com a ergonomia. Todos esses cuidados devem ser levados para fora do ambiente de trabalho para que realmente consiga alcançar a qualidade de vida, então a pessoa deve levar esses conhecimentos para o lar e até mesmo para as atividades relacionadas ao lazer. Para realmente conquistar a qualidade de vida é preciso levar os bons hábitos a todos os lugares que estiver e deverá ampliar os conhecimentos de boas práticas sempre que possível.

Podemos dividir a qualidade de vida em cinco dimensões: a primeira é a saúde de seu físico, a segunda é a saúde mental, a terceira é o nível de independência, a quarta são as relações no meio social e a quinta dimensão é a relação com o ambiente em que vive. Para conquistar a qualidade de vida é preciso estar bem com quem você é, com as pessoas que mais ama, com a vida que leva e com boa saúde para que viva uma vida totalmente equilibrada. Para alcançar isso é preciso criar hábitos totalmente saudáveis para seguir diariamente, manter os cuidados com o físico, dar atenção para manter a boa qualidade de todos os seus relacionamentos com as pessoas próximas e queridas, saber manter o balanço da vida pessoal e da vida profissional, manter a vida espiritual equilibrada e tirar momentos para realizar atividades de lazer.

Assim a ergonomia entra no contexto da qualidade de vida em forma de uma ciência multidisciplinar para contribuir com o equilíbrio da pessoa ao viver as situações de onde está inserido. Desta forma evitamos sobrecarregar o trabalhador e passamos a preservar nossa saúde, mesmo porque as pequenas ações repetitivas podem causar lesões ou desconfortos que prejudicam o rendimento ou podem se agravar causando doenças irreparáveis. A ergonomia consegue evitar todos esses transtornos e por isso é muito importante ter conhecimento sobre essa ciência para manter a qualidade de vida.



Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome : Email :