As pessoas infectadas com tuberculose ficam doentes?

As pessoas infectadas com tuberculose ficam doentes?

Do conhecimento da história natural da doença sabe-se que os bacilos depois de inalados se alojam nos pulmões dos indivíduos e que, se as defesas destes estiverem íntegras, a multiplicação dos bacilos será controlada e eles serão eliminados ou permanecerão “adormecidos” durante muitos anos. Nesta fase, o indivíduo contraiu a Infecção por Tuberculose, não se encontrando doente – tem Tuberculose Latente. Em algumas situações de diminuição das defesas (ou quando estas ainda não estão completamente desenvolvidas, como nas crianças), não é possível combater a multiplicação dos bacilos, havendo, consequentemente, progressão para doença activa – Tuberculose Doença. Ao contrário dos indivíduos com Tuberculose Latente (que não têm sintomas e se sentem bem – ou seja, não estão doentes), os indivíduos com Tuberculose Doença apresentam geralmente sintomas e alterações radiológicas. Apenas de 3% a 5% dos indivíduos saudáveis com Tuberculose Latente vão desenvolver doença activa, o que significa que a maior parte das pessoas infectadas pelo bacilo não vai desenvolver doença. Sabe-se que, ao longo de toda a vida, o risco de progressão de infecção para doença é de cerca de 10% e metade deste risco ocorre nos dois primeiros anos após a infecção.
Dos indivíduos infectados (com Tuberculose Latente), os que apresentam maior risco de evoluir para doença activa são aqueles cujas defesas naturais se encontram comprometidas, nomeadamente a população com sida, as crianças, os doentes crónicos (por exemplo, com diabetes, insuficiência renal, doenças hematológicas ou cancro) e os doentes a fazer determinados tratamentos prolongados (corticóides ou imunossupressores).



1 Comentário to “As pessoas infectadas com tuberculose ficam doentes?”
  1. joao scherer

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome : Email :