Propriedades terapêuticas do Ginkgo Biloba

Ginkgo Biloba

O Ginkgo é uma árvore originária da China considerada um fóssil vivo. Simboliza a paz e longevidade, pois existem relatos que esta árvore sobreviveu às explosões das bombas atómicas no Japão. Foi descrita pela primeira vez pelo médico alemãoEngelbert Kaempfer, por volta de 1690, mas só foi realmente estudada por pesquisadores depois da Segunda Guerra Mundial, quando verificaram que esta planta tinha resistido à radiação em Hiroshima, voltando a crescer no solo totalmente danificado e destruído.

Esta espécie de árvore combate os radicais livres e ajuda na oxigenação do cérebro. O Ginkgo faz parte das plantas que funcionam na medicina alternativa.

Nomes populares: Nogueira-do-Japão, árvore-avenca, ou simplesmente ginkgo.

Características do Ginkgo

Árvore caduca, que perde todas as folhas na estação fria

Altura: atinge 20-35 m (algumas espécies, na China, chegam a atingir os 50 m). Foram durante muito tempo consideradas em vias de extinção na natureza. Existem hoje em praticamente todos os continentes da terra e no Brasil há exemplares produzidos de sementes que não estão em extinção.

Propriedades terapêuticas: a presença de flavonóides proporciona boas propriedades antioxidantes;

Indicações de utilização: melhoram a circulação periférica e cerebral e, consequentemente, produzem efeitos positivos ligeiros ao nível das funções cognitivas;

Modo de utilização: ingerido sob a forma de chá e cápsulas;

Efeitos secundários possíveis: descrita ocorrência de crises epilépticas e de enfartes cerebrais.



Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome : Email :