Manifesto de uma criança

As crianças são o mais belo que o mundo tem. Elas são o futuro, elas inspiram histórias e vidas, pelo que um manifesto de uma criança se baseia em algo de puro, do mais simples modo de se ver a vida e de se ser feliz.

Num manifesto de uma criança vamos encontrar como aproveitar para brincar e ser feliz, sem se preocupar com nada nem como acontece o crescer. Uma criança apenas quer e merece ser feliz. Os adultos são o exemplo do que é o mundo, de como a criança vai encarar a vida, pois é a partir deles que outros futuros adultos se irão desenvolver.

 

 

Muitas crianças não querem crescer pois percebem que o mundo adulto pode ser muito complicado e que os adultos complicam muito as coisas. Isto porque para uma criança o mundo não é mau nem tem maldade. Com as muitas preocupações que temos hoje em dia, ficamos rabugentos e impacientes para com quem apenas quer brincar e sonhar. Por isto, muitas crianças não querem crescer, não querem ser seres rabujentos e dizer que não a toda a hora.

Em qualquer manifesto de uma criança iremos encontrar sonhos, grandes sonhos vindos de quem ainda tem o mundo por descobrir. Uma criança não deve conhecer nem saber o que são guerras, pois uma criança nasce como que com um selo de paz.

Num manifesto de criança não existem finais infelizes, tudo acaba bem. As crianças transmitem um riso verdadeiro, vivem e falam com fadas e anjos e poderão ter pena de quem isso não consegue fazer, pois o mundo em que vivem é de paz e sossego, é verdadeiro e sem maldade. Uma criança não quer ser um ser amargo. Sem saber, em consciência, uma criança quer ser um doce ou como uma deliciosa peça de fruta. Boa e sem complicações.

Uma criança não sabe o que é medo e injustiças, pois a pureza que existe dentro de si é tanta, que não imaginam o mundo de outra forma. Todos gostaríamos de viver num mundo como ele é visto aos olhos de uma criança, sem maldades, sem injustiças, sem medos e constantes receios, pois não têm os peso do ser adulto às costas.

O mundo de uma criança é simples e descomplicado. Uma criança ama aquilo que vê e para ela é como se os adultos precisassem de óculos para ver melhor, para descomplicar o que é simples. Para uma criança, a felicidade está no mastigar de uma pastilha, no comer um simples chocolate ou numa pequena corrida por um passeio.

Num manifesto de uma criança não se vê nem vive o passado, pois elas vivem o presente, sem preocupações sobre o que pode vir a acontecer e quando. Uma criança é um ser cheio de vida e esperança, esperança de que os milagres aconteçam. Uma criança não sabe o que é censura, o que é sentir-se impedido de fazer algo ou ser algo apenas por se estar preocupado com o que o resto das pessoas vai pensar.

Num manifesto de uma criança encontramos a maior pureza, a maior bondade, vindos de um ser que é ele próprio um milagre.



1 Comentário to “Manifesto de uma criança”

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome : Email :