Amigdalite – sintomas e tratamento

A amigdalite é a infeção das amígdalas e, geralmente, está também associada uma inflamação geral da garganta. É uma doença normalmente provocada por uma doença viral ou bacteriana.

Na maioria dos casos, a amigdalite é provocada por uma propagação de microrganismos de tecidos vizinhos afectados por processos infecciosos agudos, tais como uma constipação, uma faringite difusa ou uma laringite.

Embora esta afecção seja mais vulgar em crianças, os adultos não estão isentos da sua ocorrência. O período de incubação é de 3 a 5 dias, sendo mais contagioso no inicio, ainda que não existam sintomas.

Principais sintomas de uma amigdalite

Destacamos os seguintes sintomas como os principais e mais eficazes para ajudar a diagnosticar uma amigdalite:

  • Dores de garganta;
  • Temperaturas altas;
  • Inflamação das amígdalas, assim como da região posterior da garganta. Por vezes, estas zona também podem encontrar-se cobertas por manchas brancas de pus;
  • Tumefacção dos gânglios linfáticos do pescoço;
  • Possibilidade da língua apresentar uma camada esbranquiçada;
  • Tosse seca.

A fase aguda da amigdalite passa geralmente ao fim de 48 horas.

Tratamento da amigdalite

Para o tratamento em casa deve ingerir muitos líquidos. O aconselhado é que a quantidade de líquidos ingeridos seja maior do que habitualmente faz. Deve também proceder à administração de analgésicos e, adicionalmente, repousar na cama, especialmente durante a fase aguda.

A amigdalite cura-se frequentemente sem tratamento. As infeções só cedem aos antibióticos quando causadas por bactérias. Os antibióticos não têm qualquer efeito sobre os vírus.

As inflamações da garganta tornam-se menos frequentes depois dos 7 anos.

Quando recorrer a um médico:

  • Se decorridos 3 dias e os sintomas persistirem, incluindo as temperaturas elevadas, é aconselhável que consulte um médico.
  • Tenha atenção quando a expectoração for amarela ou esverdeada.
  • Se a criança se tornar apática e muito pálida.
  • Se os sintomas se manifestarem num adulto de idade superior a 40 anos.

A consulta de um médico é recomendada, pois este irá receitar um tratamento adequado, geralmente um antibiótico, se a causa for uma bactéria.

Não existe nenhuma prevenção conhecida. Na amigdalite crónica, como estas medidas não costumam ser muito eficazes, nomeadamente quando os sintomas são muito graves ou quando existe perigo de complicações, coloca-se a hipótese de solucionar o problema através da extracção cirúrgica das amígdalas, uma intervenção denominada amigdalectomia.

A amigdalectomia é geralmente uma operação segura e simples, principalmente em crianças de idade superior a 5 anos. Contudo, não se pode afirmar que a remoção das amígdalas é uma operação sempre segura e isenta de complicações, pelo que cada caso deve ser cuidadosamente analisado pelo médico.



1 Comentário to “Amigdalite – sintomas e tratamento”

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome : Email :