Açucar e Adoçantes

Açucar e Adoçantes

BENEFÍCIOS:
• Realçam o sabor de alguns alimentos
• Fonte de energia quase imediata
• Alguns adoçantes artificiais fornecem muito poucas calorias

INCONVENIENTES:
• Açucar em excesso provoca carie dentaria
• Algumas pessoas sofrem de intolerância à lactose, o açúcar do leite
• Os snacks açucarados podem tirar o lugar de alimentos mais nutritivos
Para a maioria das pessoas, açúcar significa açúcar de mesa (sacarose). De facto, existem muitos tipos de açúcares, com graus variáveis de doçura. A forma mais doce é a frutose (presente na fruta e no mel), depois a sacarose (principal componente da cana-do-açúcar e da beterraba do açúcar), a glucose (mel, fruta e legumes), a maltose (germes de cereais) e a lactose (presente no leite).
Os nutricionistas distinguem dois tipos de açúcares: os intrínsecos, contidos nas paredes das células das plantas, e os extrínsecos. Os açúcares intrínsecos encontram-se na fruta e legumes de sabor doce, como cenouras e beterrabas. Além de fornecerem vitaminas e minerais, estes alimentos contêm fibra, o que faz que as pessoas se sintam saciadas.
Os açúcares extrínsecos incluem sacarose, glucose, mel, melaço, xaropee o açúcar do leite. O açúcar dos sumos de fruta também é extrínseco, pois as células da fruta foram decompostas na extracção do sumo. Como os açúcares extrínsecos são prejudiciais para os dentes, recomenda-se que constituam apenas 10% da ingestão total de calorias.

UMA FONTE DE ENERGIA

Juntamente com o amido, os açúcares são um dos principais tipos de hidratos de carbono que fornecem energia. Durante a digestão, os açúcares são metabolizados, dando origem a glucose, que depois é libertada para a corrente sanguínea e transportada através do organismo como combustível para os músculos, órgãos e células.
Os níveis de glucose no sangue são controlados pelas hormonas insulina (que reduz o nível de glucose no sangue) e glucágon (que o aumenta). Se o organismo não consegue regular os níveis de açucar no sangue, como acontece na diabetes, pode ocorrer hiperglicemia, quando os níveis se tornam demasiado elevados, ou hipoglicémia, quando baixam excessivamente.
A maioria dos açúcares é rapidamente digerida, constituindo assim uma fonte de energia quase imediata. Contudo, quanto mais depressa o nível de açúcar no sangue sobe, mais depressa desce, pelo que o aumento de energia que se obtém a partir de uma bebida ou de um snack açucarados não dura, podendo seguir-se-lhe um estado de letargia. Tomar refeições ligeiras e regulares e grandes quantidades de hidratos de carbono complexos facilita ao organismo o controle dos níveis de açúcar no sangue.

O AÇÚCAR SERÁ PREJUDICIAL
À SAÚDE:
Apesar de terem sido estudadas as ligações entre uma elevada ingestão de  açúcar e o aumento do risco de doença cardíaca, diabetes e doença renal, tal não foi cientificamente provado. Até se duvida de que comer muito açúcar provoque obesidade, pois alguns estudos revelaram que as pessoas magras comem mais açúcar do que as gordas.
O açúcar propriamente dito não fornece quaisquer vitaminas, minerais ou fibra, e mesmo o mel e o açúcar amarelo,  apesar de serem apresentados como  mais saudáveis, contêm apenas quantidades diminutas de vitaminas e minerais. Por essa razão, é importante saber  que alimentos de recurso e bebidas com elevado teor de açúcar não substituem na dieta alimentos mais nutritivos. O açúcar também exerce um efeito supressor do apetite. Isso pode ser prejudicial se as crianças, antes das refeições, se enchem de «calorias vazias», provenientes de bebidas açucaradas ou chocolate e doces, o que lhes tira a fome para alimentos mais nutritivos.
Além da sua associação com a cárie dentária, o açúcar não é considerado nocivo. Desde que a alimentação seja equilibrada, são aceitáveis, do ponto  de vista nutricional, quantidades moderadas de açúcar.
Uma teoria controversa relaciona uma dieta com elevado teor de açúcar refinado com a hiperactividade. O crómio, necessário para o metabolismo do açúcar, é eliminado do açúcar durante o processo de refinação.



Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome : Email :